13 Novembro, 2017 14:44

Emgerpi leva serviços do Minha Casa Legal a mutuários do Dirceu Arcoverde

O atendimento itinerante será feito até às 13h30, desta terça-feira (14).

Os mutuários do conjunto Dirceu Arcoverde (Itararé), na zona Sudeste de Teresina, receberam os serviços jurídicos do Programa Minha Casa Legal, na manhã desta segunda-feira (13), através de mais uma ação itinerante que a Empresa de Gestão de Recursos do Piauí (Emgerpi) realiza no conjunto, que tem 7.294 imóveis. O atendimento itinerante será feito até às 13h30, de terça-feira (14), na Unidade Escolar Profª. Maria do Carmo Reverdosa da Cruz, localizada na rua Gibraltar, s/n, próximo ao campus da Uespi.

O diretor-presidente da Emgerpi, Ricardo Pontes, disse que o objetivo da empresa ao levar, mais uma vez, o escritório itinerante do Programa Minha Casa legal para o conjunto Dirceu Arcoverde é orientar todos os mutuários sobre como eles devem proceder para sanar pendências e regularizar suas unidades habitacionais, construídas pela extinta Companhia de Habitação do Piauí (Cohab). “Queremos também informá-los sobre quais as facilidades de pagamento que o Minha Casa Legal oferece. São descontos de até 90%, sobre juros e multas, para os mutuários de desejam quitarem débitos à vista. O programa concede descontos de até 40% para o mutuários que deseja parcelar”, disse.

O aposentado, Francisco das Chagas Paz, que é morador do conjunto Dirceu Arcoverde há mais de 15 anos, disse que é a primeira vez que procura os serviços da Emgerpi para regularizar o seu imóvel. “Confesso que essa é primeira vez que busco ajuda para regularizar a minha casa. Gostei demais do atendimento e da atitude da Emgerpi de trazer esse tipo de serviço para os mutuários do Dirceu. Estou confiante que após este atendimento conseguirei regularizar a minha casa”, declarou.

“Moro há mais de 30 anos no Dirceu Arcoverde e já tinha quitado a minha dívida, mas hoje estou aqui para solicitar a liberação da hipoteca da minha casa, pois vejo que o documento de propriedade é o único comprovante que a pessoa tem para afirmar de verdade que é dono da sua casa”, disse o mutuário Jaime Adão de Sousa. Sobre o atendimento itinerante, o aposentando relatou que achou o atendimento muito bom e válido, pois não precisou enfrentar fila para conseguir resolver suas pendências.

Durante todas às ações itinerantes que a Emgerpi está realizando, no mês de novembro, em Teresina, estão sendo feitas visitas domiciliares nas unidades habitacionais dos mutuários com dificuldades de locomoção ou que possuem dívidas acima de 100 prestações

Conforme a coordenadora do Serviço Social da Emgerpi, Josenice Pires Silva, o atendimento domiciliar é uma busca ativa feita de forma estratégia, onde a Emgerpi leva informações e esclarecimento para as famílias de mutuários acerca dos benefícios que o Programa minha Casa Legal está oferecendo. “Após esse atendimento mais humanizado, o mutuário poderá comparecer ao escritório itinerante munidos das orientações necessárias para regularizar seus imóveis”, disse.

A diretora de Processos Imobiliários da Emgerpi, Ana Lúcia Gonçalves, destacou mais uma vez que o itinerante visa levar os serviços ofertados diariamente na Casa do Mutuário para mais perto daquelas pessoas ainda não regularizam seus imóveis. “A ideia é levar mais comodidade, pois quase 200 mutuários do Itararé possuem pendências financeiras. Queremos convocar também os mutuários que já pagaram seus débitos, visto que muitos ainda não solicitaram a liberação de hipotecas das suas unidades, que é documento que irá habilitá-los para que receber a titularidade definitiva dos seus imóveis junto ao cartório competente”, afirmou.

“Fiquei sabendo que a Emgerpi iria atender os mutuários do Dirceu e resolvi aproveitar para resolver os problemas que ainda tenho para que minha casa seja regularizada. Hoje conseguir tirar algumas dúvidas sobre os documentos que faltavam para que eu possa receber o ofício deliberação de hipoteca”, disse a aposentada, Vera Lúcia dos Santos, que relatou estar contente por ter sido atendida pertinho da sua residência.

Mais ações itinerantes

Com o objetivo de convocar os mutuários de Teresina a finalizarem pendências financeiras, cadastral ou para requererem a liberação de hipoteca dos seus imóveis, a Emgerpi vai realizar novas ações itinerantes nos conjuntos habitacionais Morada Nova, Bela Vista e Mocambinho, ainda nos mês de novembro. Os serviços jurídicos do Minha Casa Legal para os mutuários do conjunto Morada Nova serão ofertados nos dias 23 e 24 de novembro, no salão paroquial da Igreja de Nossa Senhora da Conceição, localizada no Morada Nova.

Autoria: Adriana Carvalho