12 Junho, 2019 14:36

Fapepi participa de Fórum Nacional das Fundações Estaduais de Amparo à Pesquisa

Evento aconteceu em João Pessoa (PB), nos dias 6 e 7.

A Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado do Piauí (Fapepi) e outras 25 fundações participaram do Fórum do Conselho Nacional das Fundações Estaduais de Amparo à Pesquisa (Confap), nos dias 6 e 7 de junho, em João Pessoa (PB). Além de membros das fundações de Amparo, participaram representantes do Ministério da Ciência, Tecnologia, Inovações e Comunicações (MCTIC), agências nacionais, organismos internacionais, autoridades estaduais e imprensa.

O presidente da Fapepi, Antonio Cardoso do Amaral, e o diretor interino de Desenvolvimento Científico e Tecnológico, da Fapepi, Ciro Gonçalves e Sá, participaram do evento. O Fórum, que teve como objetivo principal propor soluções e alternativas que considerem a melhoria no cenário do fomento à pesquisa científica, tecnológica e de inovação no país, discutiu também a importância do foco no desenvolvimento regional, ressaltado sobretudo na condição de redutor das assimetrias existentes.

De acordo com o presidente do Confap, Evaldo Ferreira Vilela, a união das diferenças, com criatividade, pode ser capaz de criar um novo movimento em que a ciência, tecnologia e inovação atuem como fator de desenvolvimento econômico e social no país. “Nosso maior problema hoje é a desigualdade, e só podemos combatê-la por meio da educação, ciência, tecnologia e inovação. Precisamos pensar no futuro e estamos aqui para renovar nossas forças e planejá-lo juntos”, destacou.

Representando o ministro da Ciência, Tecnologia, Inovações e Comunicações, Marcos Pontes, o secretário de Políticas para Formação e Ações Estratégicas do MCTIC, Marcelo Morales, destacou que as fundações têm respondido aos desafios enfrentados no fomento à ciência, sendo importante braço na disponibilização de recursos. “As FAPs são pilar importante do Sistema Nacional de Ciência, Tecnologia e Inovação no fomento à pesquisa", disse Marcelo Morales.

"Para o governo federal, essa parceria com os governos estaduais é muito importante, principalmente no momento de crise que estamos passando no país”, reforçou. A Fundação de Apoio à Pesquisa do Estado da Paraíba (Fapesq) foi a anfitriã do evento. O presidente Roberto Germano destacou os últimos lançamentos feitos pelo Governo do Estado, por meio da Fundação. Segundo ele, foram R$ 31 milhões investidos como marco dos primeiros meses de governo.

Como forma de orientar ações integradas e discutir soluções para questões conjuntas que dizem respeito ao fomento à pesquisa científica, tecnológica e de inovação nos Estados, foram convidados às discussões do Fórum Nacional do Confap parceiros nacionais e internacionais, que desenvolvem atividades conjuntas com as Fundações de Amparo à Pesquisa e o Confap.

Presentes ao evento, representantes do MCTIC, do Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico (CNPq), Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior (Capes) e Financiadora de Estudos e Projetos (Finep).