23 Novembro, 2017 15:30

HGV realiza IV Fórum de Humanização

Com o tema: O Papel da Comunicação Efetiva na Transferência do Cuidado.

Começou na manhã desta quintara (23), no auditório do Hospital Getúlio Vargas (HGV), com o tema: O Papel da Comunicação Efetiva na Transferência do Cuidado o IV Fórum de Humanização. Durante a abertura, a diretora geral, Clara Leal, falou da importância de discutir  a comunicação efetiva devido ser a segunda meta internacional de segurança do paciente. 

Segundo ela, não tem como separar a comunicação da segurança do paciente. "A situação se torna mais critica na área da saúde, o paciente não é assistido pela mesma pessoa ao mesmo tempo, existe troca de plantões, troca de setores e, consequentemente, de equipes. Então é necessário que uma equipe se comunique com a outra para que exista a continuidade do cuidado e não tenha prejuízo para o paciente", explicou Clara Leal. 

Na ocasião, a enfermeira Roberta Barp, do Hospital Moinhos de Vento-RS, abordou o tema central do evento que foi  "O papel da Comunicação Efetiva na Transferência do Cuidado". E em seguida, o coordenador da UTI do HGV, Bruno Ribeiro, apresentou a experiência exitosa da UTI com a implantação de formulário SBAR (Situação, Backgroud, Avaliação e Recomendação), como forma de melhorar a comunicação entre os profissionais.

À tarde, o HGV foi palco de um Programa de Rádio de Auditório, com o Tema: A importância da Comunicação Efetiva na Qualidade do Cuidado, com a participação do radialista, Joel Silva, que apresenta diariamente o Programa ``Painel da Cidade``, na Rádio Pioneira de Teresina), jornalista e radialista e gerente da Rádio Ccom,Rayde Jansen, Fátima Oliveira (Jornalista/Assessora Comunicação HGV)), Alesse Ribeiro (Médico), Zilma Bento (Psicóloga) e Cecília Viana (Enfermeira – Gerente de enfermagem do HGV).

Fonte: HGV
Autoria: Fátima Oliveira
Tags: