08 Novembro, 2018 17:30

Escolas do Piauí ampliam conquistas na Mostra de Foguetes

Alunos dos Centro Estaduais de Tempo Integral (CETI) Pinheiro Macha e João Henrique, de Teresina, e Unidade Escolar João Ferry, de Agricolândia ganharam medalhas e troféus da fase nacional da 12ª edição da Mostra Brasileira de Foguetes (MobFog). O feito foi conseguido após a dos estudantes do Centro Estadual de Educação Profissional (CEEP) Governador João Clímaco D'Almeida, que ficaram em primeiro lugar em sua categoria e segundo lugar geral.   

O convite aos estudantes para participar da Jornada de Foguetes aconteceu após eles lançarem seus foguetes a mais de 100 metros de distância. O evento avalia a capacidade dos estudantes de construir e lançar, o mais longe possível, foguetes feitos de garrafa PET, de tubo de papel ou de canudo de refrigerante, utilizando uma mistura química. O evento é realizado pela Olimpíada Brasileira de Astronomia e Astronáutica (OBA).

A diretora do CETI Pinheiro Machado, Rejane Coelho, comemorou o segundo lugar da escola, na categoria que disputou, e parabenizou os estudantes Davylly, Kaylane, Diego e Victor Emanuel, participantes da competição.

"A escola está muito feliz, e todos os demais alunos ficaram na expectativa e na torcida, para nós é muito gratificante. Uma vez que vemos o trabalho de sala de aula, indo além dos muros da escola", explica a diretora.

Auxiliados pelo professor Wilton Pereira, os seis alunos construíram os foguetes durante as aulas de robótica, atividades extras de sala de aula ofertada pela escola. Composta por dois alunos e dois professores. A equipe piauiense contou com o apoio da Secretaria de Estado da Educação (Seduc) para que os alunos pudessem participar da competição, como inscrição, passagens e ajuda de custo.

O CETI João Henrique de Almeida conquistou o primeiro lugar geral nas disputas realizadas entre 05 e 08 de novembro, nível quatro, de alunos de níveis médio e superior. A equipe é formada pela professora Lívia Santos e os alunos Sauan Rodrigues, Mariana Bezerra e Douglas Resende.

"Os nossos alunos participam todos os anos do evento e já iniciaram a preparação em maio com os lançamentos na escola, todos participam. Nas salas os professores de física e química, junto com a gestão, motivam a todos participarem, além da ajuda da equipe do ano anterior", destaca a diretora.
 
Também conseguiram bom desempenho na Mostra os alunos da Unidade Escolar João Ferry, de Agricolândia, que conquistaram o primeiro lugar em sua modalidade.

A MOBFOG e a Jornada de Foguetes
A MOBFOG é realizada anualmente pela Sociedade Astronômica Brasileira (SAB) em parceria com a Agência Espacial Brasileira (AEB) entre alunos de todos os anos do ensino fundamental e médio em todo território nacional. A MOBFOG tem por objetivos fomentar o interesse dos jovens pela Astronáutica, Física, Astronomia e ciências afins, promover a difusão dos conhecimentos básicos de uma forma lúdica e cooperativa, mobilizando num mutirão nacional, alunos, professores, coordenadores pedagógicos, diretores, pais e escolas, e instituições voltadas às atividades aeroespaciais.

Da Jornada de Foguetes participam cerca de 200 equipes de alunos (constituídas de 1 professor e no máximo 3 alunos) do ensino médio dentre aquelas com os maiores alcances horizontais, medidos entre o ponto de saída e parada do foguete.

Foram distribuídos cerca de 70 troféus de campeões, 70 de vice-campeões e cerca de outros 60 troféus de menções honrosas às equipes participantes da Jornada de Foguetes. Medalhas e certificados foram enviados às escolas de todo Brasil que participaram da MOBFOG.

Autoria: Ascom Seduc