14 Maio, 2019 13:58

Secretário de Educação e gestores participam de seminário em São Paulo

O tema do evento é gestão e liderança para o avanço contínuo da educação brasileira.

O secretário de Estado da Educação do Piauí, Ellen Gera, participou da mesa redonda "Implementação de mudanças e gestão para o avança no Ensino Médio" dentro da progração do seminário Gestão e Liderança para o Avanço Contínuo da Educação Brasileira, realizado na cidade de São Paulo, na manhã desta terça-feira (14). O evento sem fins lucrativos está sendo promovido pelo Instituto Unibanco em parceria com o Instituição de Ensino Superior e de Pesquisa (Insper) e conta com a presença de especialistas nacionais e internacionais, secretários e técnicos das Secretarias de Educação parceiras do programa Jovem de Futuro para discutir modelos de gestão e os desafios do Ensino Médio. 
 
Ellen Gera afirmou que o seminário é muito importante. "Este é mais um evento sobre a nossa parceria entre Seduc e Instituto Unibanco com todas as secretarias parceiras do Instituto Unibanco, por meio do Jovem de Futuro. É uma grande oportunidade para compartilhar experiências, ouvir os palestrantes com temas importantes sobre o novo Ensino Médio e, aproveitar para mostrar o Piauí para o Brasil, além de aprender um pouco mais com as outras unidades da Federação", declarou.
 
 
O diretor da Unidade de Ensino e Aprendizagem da Secretaria de Estado da Educação (Seduc), Clebe Sousa; a gerente do Ensino Médio, Regina Monteiro; o coordenador do Tempo Integral, Alberto Machado, e o articulador do Novo Ensino Médio junto ao Conselho Estadual de Educação, Sebastião Ferreira, também participam do evento. 
 
 
Para o diretor da UNEA, Clebe Sousa, o seminário organizado pelo Instituto Unibanco é uma ação de extrema relevância para o momento que a educação nacional e estaduais estão vivendo. "O tema da gestão e da liderança é crucial para avançarmos nas melhorias dentro das redes. Tenho visto inúmeros casos de sucesso e, para continuarmos melhorando, temos que valorizar os gestores escolares e professores", esclarece.

Autoria: Joely Rocha