14 Maio, 2019 15:17

Seplan realiza plenária para definir destinação de recursos do orçamento para Território Entre Rios

Também em pauta criação de Bancos Comunitários e implantação do Sistema de Inspeção Territorial.

Será realizada na quinta-feira (16), no município de Água Branca, a 1ª Plenária Ordinária do Território Entre Rios de 2019, no auditório da OAB-PI, de 8h às 13h. O evento é uma realização da Secretaria Executiva do Conselho de Desenvolvimento Territorial do Entre Rios e a Secretaria de Estado do Planejamento (Seplan) e objetiva estabelecer as metas do plano de ação territorial para 2019.

A plenária tem como principal tema a destinação dos recursos do orçamento anual e irá discutir as ações a serem priorizadas para o Território do Entre Rios. Além disso, serão repassadas as orientações para que o Conselho Territorial viabilize as demandas a serem financiadas pelo Governo do Estado. 

Será apresentado ainda o Plano de Ação para a Criação dos Bancos Comunitários de Desenvolvimento. “Com o apoio do Conselho de Desenvolvimento Territorial foi feito um intercambio em bancos que já existem no Território dos Cocais e serão implantados oito Bancos Comunitários no Território Entre Rios”, restaca Avelar Almeida, Agente Territorial. 

A plenária tratará ainda temas como o Sistema de Inspeção Municipal e a criação do Sistema de Inspeção Territorial em forma de consórcio entre os municípios, e ainda a realização de oficinas de capacitação para técnicos dos municípios que irão fazer parte do sistema de inspeção.

Na oportunidade, serão feitos os encaminhamentos para a renovação da Secretaria Executiva e Coordenações do Conselho Territorial e Conselho Estadual (CEDs). 

“Esse evento é importante para a estratégia do desenvolvimento territorial porque está cumprindo o Plano de Ação Territorial do Entre Rios. A Seplan coordena essa estratégia articulando as setoriais do Governo do Estado, outros parceiros intitucionais, o poder público municipal e a sociedade civil que formam o Conselho Territorial para juntos deliberarem sobre as demandas do território definindo prioridades na destinação dos recursos para desenvolver o território", diz Avelar Almeida, agente de desenvolvimento territorial do Entre Rios.

Autoria: Fábia Adriana Vieira