06 Dezembro, 2018 17:50

Seminário debate papel dos bancos comunitários para o desenvolvimento regional

O Governo do Estado e o Programa das Nações Unidas para o Desenvolvimento (Pnud) realizam de 5 a 7 de dezembro, o I Seminário sobre Desenvolvimento Territorial e a Agenda 2030, no Piauí. O evento marca o início da elaboração do próximo Plano Plurianual (PPA), uma vez que trará resultados de estudos e diagnósticos sobre a situação atual do estado em relação aos Objetivos do Desenvolvimento Sustentável (ODS). 

Na programação do segundo dia, quinta-feira (6), foram apresentadas as experiência de desenvolvimento territorial nos Estados do Piauí, Bahia e Ceará, com os palestrantes Thiago Xavier, diretor de Planejamento da Secretaria de Estado do Planejamento (Seplan-BA); Eduardo Barbosa, coordenador de Desenvolvimento Territorial e Combate à Pobreza Rural da Secretaria de Desenvolvimento Agrário do Ceará e Rejane Tavares, superintendente de Planejamento Estratégico da Secretaria de Estado do Planejamento (Seplan-PI).

O professor Arilson Favareto, da Universidade Federal do ABC (SP), ministrou palestra sobre as perspectivas da política de desenvolvimento territorial no Brasil e no nordeste. O evento contou ainda com a presença do professor Merlong Solano que mediou o debate. No turno da tarde, a professora Angeline Freire, do Instituto Palma, destacou a importância dos Bancos Comunitários no Desenvolvimento Territorial, apresentando o modelo do Banco de Palmas e a experiência da Rede Piauí de Bancos Comunitários (Opala, Cocais, Marruás e Retiro) foi apresentada por Martins Claudina e Maura Rodrigues. A programação foi concluída com a importância da participação do setor privado para o desenvolvimento territorial, com Lucile Moura, da Secretaria de Desenvolvimento. Econômico e Viviane Moura, superintendente de Parcerias e Concessões. 

A programação desta sexta-feira (7) tem início às 9h, com palestras e oficinas sobre educação profissional. 

Histórico
Em abril deste ano, o Governo do Estado, em parceria com o Pnud, lançou o Projeto ODS-Piauí, com o objetivo de fortalecer o desenvolvimento humano sustentável no Piauí por meio da implementação da Agenda 2030. A iniciativa envolve os setores público, privado e a sociedade civil na promoção de diálogos, fortalecimento de políticas e alinhamento de estratégias para contribuir com alcance das metas dos ODS.

Durante o evento, ocorrerá também a segunda reunião ordinária do Conselho Estadual de Desenvolvimento Sustentável que reúne conselheiros dos 12 territórios de desenvolvimento para debater as ações para 2019.

Além disso, ocorrerá a Oficina da Educação Profissional do Estado do Piauí, com o objetivo de apresentar o resultado do estudo sobre as necessidades de formação profissional considerando as especificidades de cada território. Trabalho desenvolvido pela Secretaria de Estado da Educação (Seduc), em parceria com a empresa Macroplan.

Autoria: Fábia Vieira